https://www.criarbanner.com.br/criargifs/a/1f588446f6ad0cab9c1cea00b6ec179f.gif

20 de nov de 2012

Minha escura pele



Será que a cor da minha pele
Esta simples epiderme
Pobre em melanina
Sujeita aos males do Sol em excesso
Será que vão prejudicar o meu sucesso
Sabe, isso nem me desanima...

O que vale é o que tenho aqui dentro
Um sangue vermelho de vida
Um coração que bate tão forte
Como o de qualquer raça, cor ou credo.

Acho que hoje vou sair de pele escura
Vou procurar minha identidade negra na rua
De ancestrais mulatos, descendência de escravos.
Do antigo, branco e negro traço.
Que tanto deu certo, eis-me aqui.



De pele escura
Sinto-me como antes 
Nada sinto de diferente
Por dentro tudo igual
Apenas um ser como tantos

Gerson Araujo Almeida

Viva Zumbi!

Nenhum comentário:

Postar um comentário