https://www.criarbanner.com.br/criargifs/a/1f588446f6ad0cab9c1cea00b6ec179f.gif

9 de ago de 2012

Minha perdição, doce paixão.


Pude vê-la por instantes
Pela web, linda e deslumbrante.
Tamanha minha saudade aflorou
Sentimento dos amados amantes
Que dói e fere o coração que reclama
Como chama pela ausência dela

Querida criatura, amada mulher me traga a cura.
Tira esta dor do meu peito, sara as feridas.
Cicatriza as chagas que abriram

Quero ouvir tua voz, sentir teu paladar.
Cheirar teu corpo e ao teu lado me aninhar
Ver tuas tatuagens, teus lábios desejados.
Deitar-me em teu peito ouvir teu coração
Palpitante e cheio de emoção

Como posso te amar mais
Levar meu sentimento ao extremo
Enlouquecer de amor sem medo
Unir minha alma a tua para sempre
Santuário tornar nossa alcova
Amar você como deve ser

Mulher de meus caprichos
Entenda minhas angústias
Uma vez mais, prometo.

Amarei você por toda vida
Maior amor que o meu nunca vi
Ouvi falar que existe, me prove
Resta-me a certeza, te amo demais.

Na vida temos uma única chance
Existem mil caminhos a percorrer
Ontem estava triste, sem você, sem poder te ver
Qual penitência terei que pagar
Eu me submeto a todas, para afinal
Amar você intensamente
Viver esta doce paixão, minha perdição.

Gerson Araujo Almeida

Nenhum comentário:

Postar um comentário