https://www.criarbanner.com.br/criargifs/a/1f588446f6ad0cab9c1cea00b6ec179f.gif

25 de abr de 2012

Nosso universo de paixões




Não consigo imaginar-me, sem você por perto.
Mas parece que não saberei viver em outro universo
A não ser no nosso, posso existir.
 Criado por emoções e explosões de sentimentos.
Nosso Big Bang foi a maior explosão de amor
Que algum dia aconteceu a alguém
Foi ele, meu coração que digitou agora.
Nem me pediu permissão

O seu coração, merece muito mais amor,
Do que posso te dar, mas vou tentar.
Alimentar-te de emoção, quebra o galho? Não?
Vou procurar uma fonte eterna de paixão
Deve suprir esta carência, bebe dela e me ama.

Queria estar ai, sentindo tuas emoções,
Cobrindo teu corpo à noite
Agasalhando teu peito, me deitando ao teu lado.
E pela manhã, acordar com teus beijos.
Rolar pela cama relutante
Não me levantar mais.

São somente rascunhos de paixão
Será que virando poema, vai te encantar.
Encanta amor?

Vou copiar e deitar estas palavras aqui
Será que virando poema, amor.
Será que assim vai gostar
Vou reunir tudo, jogar para o alto as palavras.
E ver no que vai dar

Capacidade de amar, já me mostrou
Lentamente, de tuas paixões desfrutei.
Eu vi com meus olhos, tua silhueta
Um universo de pecados. Eu amei!
Saiba que me apaixonei
Amar você não tem mais mistérios

Gerson Araujo Almeida


Nenhum comentário:

Postar um comentário