https://www.criarbanner.com.br/criargifs/a/1f588446f6ad0cab9c1cea00b6ec179f.gif

21 de mar de 2012

O vento, a chuva o chá de cravo


Assovia o vento pelas frestas da janela, pressiona as venezianas, faz o frio da noite penetrar no aposento pequeno que fiz de sala e quarto, tosca habitação no alto da colina não muito elevada, rodeada de flores que ela semeou da última vez que esteve aqui. Lá atrás, algumas caixas caem uma por cima das outras, tinha que me desvencilhar delas o quanto antes, quando estiver aqui novamente, sei que vai reclamar comigo. Foram as caixas de alguns objetos que trouxe para decorar nossa humilde habitação. Algumas jarras, para colocar as flores do nosso jardim, sobre a mesa estilo colonial que pedi e me disse que tinha adorado. Uma toalha rendada sobre a mesa com a jarra por cima. A mesa, assim que puder irei reembolsa-la. Nada mais justo.

A chaleira no fogão, a água para o chá já começa a borbulhar, uma leve fumaça bem branca se levanta por entre a tampa mal colocada, parece que não é a tampa certa, mas agora, não importa o chá logo vais estar pronto. Onde está o coador, sempre o perco. Ela adora chá de cravo. Gosto de muitos chás, mas o de cravo confesso que nunca tinha provado será a primeira vez.

Lá fora o vento começa a aumentar, ouço ruídos dos galhos que roçam no telhado, da frondosa árvore que tem nos fundos da propriedade. Uma enorme mangueira, duas vezes ao ano ele se enche de frutos, saborosas mangas espada, pequenas e tão saborosas, quanto os lábios dela. Preocupa-me o tempo, que mudança tão radical. Temo por um temporal daqueles. O chá já está pronto, saborear e esperar se ao menos ela me ligasse, me avisa-se, ficaria mais tranquilo, ela gosta de dirigir não importa o tempo que faça me preocupo muito por ela. Deveria ter podado estes galhos, podem danificar o telhado, tão logo possa o farei, amanhã bem cedo os derrubarei.

O sabor do chá é muito agradável o aroma bem característico confesso que gostei. Parece que ouvi algum ruído de motor lá fora, será que é ela, subindo a estrada de acesso, a noite escura não me deixa ver direito pela janela semi aberta. Logo veria os faróis acesos iluminando a estrada. Qual nada, deve ser um ruído qualquer, me confundi por certo. Vou fechar a janela a chuva aumentou e pode molhar tudo aqui dentro.

O telefone tocando, deve ser ela cancelando o nosso encontro, também pudera, numa noite doida desta, de repente o tempo se voltou contra nós, nos castigou a ficar longe um do outro. Tem sido tão difícil encontra-la ultimamente. Vou atender
- Pronto, alô!
- Amor, sua amada está retida em casa, o tempo está piorando...
Caiu a ligação. Deve ser o mal tempo, as ligações ficam às vezes interrompidas, vou tentar daqui.

Vamos telefone, completa a ligação, chama e chama, mas ninguém atende. Nisso, ela atende.
- Alô! É você amor!
- Sim minha querida, que saudade amor, mas acho que o tempo está contra nós, já viu o temporal lá fora.
- Sim amor, que pena, queria tanto estar ao seu lado agora, queria me aconchegar, deitar contigo agora, passar a noite toda ai.
- Acho que não deve amor, é muito perigoso, vou ficar aqui acordado mais um pouco, lendo meus poemas, nosso livro, todos dedicados a você.
- Se quer assim amor, sei que não tenho desculpa para sair agora com este tempo, podem achar estranho.       
- Fica bem amor, se cuida. Amanhã pela manhã passo ai. Um beijo amor. NEOQEAV.

O chá ainda está quente, sorvo bem devagar, o vento assola o campo lá fora, so me resta ir para cama sem ela. As cobertas este noite serão minhas companhias, minhas companheiras alheias aos meus sentidos, minha necessidade dela. Chá delicioso, quente e aromático. Calmante como todo chá, o sono me domina, minha cama me espera, me convida, meu travesseiro, impregnado pelo cheiro dela, o perfume que me embriaga, me levará ao sonho que preciso ter esta noite. O sonho de estar ao lado dela, protegido e amado, como dois namorados.

Gerson Araujo Almeida

2 comentários:

  1. MEU AMOR,NUNCA DUVIDEI DA SUA CAPACIDADE DE DESCREVER SENTIMENTOS,E JÁ QUE QUER SABER MINHA OPINIÃO...ADOREI O CONTO....CONTINUE ESCREVENDO,QUERO SER A INSPIRAÇÃO PARA ESTA NOVA DESCOBERTA.AMEI ESTA MISTURA DE REALIDADE E FICÇÃO.....UM DIA,SERÁ SÓ REALIDADE TUDO QUE ESCREVEU AI...
    NEOQEAV

    ResponderExcluir