https://www.criarbanner.com.br/criargifs/a/1f588446f6ad0cab9c1cea00b6ec179f.gif

24 de set de 2011

Quando..., não importa amor


Quando você se deitar
Pensa em mim, ao teu lado vou estar
Quando você adormecer
Procure comigo sonhar
Quando nossos sonhos cruzarem-se
Estenda suas mãos, quero tocar-te
Quando nossos dedos se prenderem
Penetraremos em nosso mundo fantástico
Quando nossos sonhos se fundirem
Viveremos tudo o que merecemos
Quando realizarmos nossos desejos
Não pense em acordar

Quando...
Este pensamento me persegue
Quando iremos nos encontrar
Declamar nossos poemas
Dizer tudo o que planejamos
Concretizar os sonhos
Reafirmar nossas juras de amor
Amarmo-nos sem censura ou pudor
Entregarmo-nos sem culpa
Quando...

Não importa
Sou paciente, só te peço que me espere
Eu espero que chegado o dia
Possa vir ao meu encontro
Livre de medos ou velhos conceitos
Venha livre viver o nosso amor
Esta semente que cultivamos tanto tempo
Que germinou em nossos corações
Que se fortifica a cada dia
Raiz cria

Cada gota de orvalho
Límpida e clara que na vidraça da janela escorre
Eleva meu espírito e me faz de ti lembrar
Uma gota, uma lágrima tua
Saudade que sentimos um do outro que perdura
Acalenta o coração do teu amado com ternura

Gerson Araujo Almeida


Nenhum comentário:

Postar um comentário