https://www.criarbanner.com.br/criargifs/a/1f588446f6ad0cab9c1cea00b6ec179f.gif

18 de jul de 2011

Trouxeste de volta a minha mocidade

Você é à flor do meu jardim
A rosa que encanta minhas tardes
A mulher que trouxe de volta minha mocidade
Carrega meu coração em suas mãos
Aconchega em seu colo
Agasalhe meu corpo com seu calor
Ama-me com muito carinho e ardor

Satisfaz minha luxúria
Minhas chagas e feridas cicatriza
Que pela malvada saudade com seus duros golpes
Desferiu-me esta terrível criatura
Ao meu corpo e alma ataca sem pena

Resplandece mulher amada
Como quero estar ao teu lado
Leva-me ao teu encontro
Arrebata este pobre e insaciável mortal
Eleva-me ao teu reino
Quero viver nossas fantasias
Sentir contigo este prazer infindo

Tua privacidade eu invadi
Não tens segredos pra mim
Cada poro de tua pele anseia e transpira
Exala meu cheiro, já impregnei teu travesseiro

Nas noites solitárias
Quando o sono nos rodeia
Sempre conseguimos mesmo que por instantes
Desejar que nossos sonhos formem par
E por toda noite possamos nos amar

Meus textos, Meus rascunhos mal feitos
Conseguiram te atingir...
Só posso feliz me sentir
Declame cada um
Ponha tua voz deliciosa neles
Poderão assim ser mais apreciados
Muito mais amados

Gerson Araujo Almeida

Nenhum comentário:

Postar um comentário