https://www.criarbanner.com.br/criargifs/a/1f588446f6ad0cab9c1cea00b6ec179f.gif

29 de jun de 2011

Fogueira de paixões


A espera me angustia
Tarde que se vai, leva o dia
O frio lá fora me transforma
Deixa-me recluso, sob as cobertas
Preparei a lareira, aqueci a chaleira
O chá está quente, meu corpo aquecido
A espera me angustia

Sonhei com este encontro
Preparei palavras, escrevi as frases
Não quero fazer feio, quero te dizer
O quanto te adoro, o quanto me incomodo
Quando não estais aqui
Ainda sonho contigo

Lembro de cada detalhe seu
Cada nuance de teu colo
Cada parte de teu corpo que amo
És a musa de meus versos
Quem sempre, celebro e presto
As homenagens que mereces
Pelo amor que me dedicas
Pela paixão que me despertas

Caminhe meu amor
Lança teu chamado que ouvirei
Estarei à beira do caminho
Uma vez mais, te porei no colo
Subirei as escadas de nossa cabana
Amar-te-ei como um jovem

Parar o tempo, o farei
Atar-te ao meu coração, capaz serei
Invada meu corpo, com tua luxúria
Xô tristeza, não me atormenta
A notícia me chegou agora
Ouví o recado da amiga Lua

Deixarás de vir ao meu encontro
Outro dia vou passar sem você

Planos que se frustram
Olhares que não se cruzarão
Eu, apaguei o fogo da lareira
Tirei do fogão, a chaleira
Antes que a noite chegue, vou me recolher

A fogueira eu apaguei...

Gerson Araujo Almeida

Um comentário:

  1. MEU POETA..MEU AMOR.....
    SABE QUE GOSTARIA DE NUNCA TE DEIXAR A ESPERA..MAS NEM SEMPRE PODEMOS REALIZAR NOSSAS VONTADES...NOSSOS DESEJOS....NÃO ME CONDENE POR ISSO....PERDOA MINHA AUSÊNCIA....PROMETO TE COMPENSAR COM TODO MEU AMOR....
    NEOQEAV....

    ResponderExcluir