https://www.criarbanner.com.br/criargifs/a/1f588446f6ad0cab9c1cea00b6ec179f.gif

3 de abr de 2011

Quero deitar ao teu lado


Quero deitar ao teu lado
Sentir o teu corpo relaxado
Dormir não conseguirei
Incomodar-te não irei
Acordar-te não o farei

Tocarei nos teus cabelos
Ficarei a te observar
Tua pele, teu corpo, tua lingerie
Tua respiração sentir
As batidas de o teu coração tentar ouvir

Serei seu dedicado espectador
Seu amante, seu amado
Velarei o teu descanso
Protegeria tua alcova
Mesmo que para com isso, me prive
Da tua mão sobre a minha
Do leve toque dos teus nos meus lábios
De o leve roçar da minha na tua pele
Do entrelaçar de pés e pernas
Da soma de nossos prazeres
Da intima união que temos
Do calor da nossa paixão.

Cantam os pássaros
Lembram-nos o fim do dia
Eu aqui do teu lado, ha espera
Um beijo te dar ao acordar
Sentir o amor que existe em ti
Amar-te e ser amado, como dois namorados

Gerson A Almeida

Um comentário:

  1. Adorei essa poesia'. Muito linda e apaixonante. Era o que eu procurava, tudo como eu vivo nesse momento! Parabéns pelas belas palavras.

    ResponderExcluir