https://www.criarbanner.com.br/criargifs/a/1f588446f6ad0cab9c1cea00b6ec179f.gif

20 de mar de 2011

Eu sei que te feri

Eu sei que te feri
Não devia ter me expressado
Da maneira que fiz
Faltou-me o jeito certo
Não sabia o que te causaria
O meu ciúme

Saber que outro dorme ao teu lado
Pode te tocar em algum momento
Terá que ceder alguma hora
Sou apenas aquele que te adora
Que te ama em segredo
Encontra contigo, sorrateiro
Divides comigo teu corpo
Tua paixão, teu prazer...

Perdoa-me
Não sei o que me deu
Um desatinado ciúme
Sobre mim, se abateu
Se quiser me punir
O faça não vou reclamar
Mereço, saberei pagar

Só te digo uma coisa
O amor que sinto por ti
Continuará a existir
Pensarei sempre em ti amada
Fui um idiota completo
Imaginar que te sentia a vontade
Com tal possibilidade

Mil perdões meu amor
Será que terei uma chance
Quero me redimir ante ti
Se precisar de joelhos ficar
Pedir-te-ei...
Não me deixe assim

Gerson A Almeida

Nenhum comentário:

Postar um comentário