https://www.criarbanner.com.br/criargifs/a/1f588446f6ad0cab9c1cea00b6ec179f.gif

19 de dez de 2010

Que falta você me faz...


Meus braços estão frios
Cadê o teu calor para aquecê-los
Envolver o teu corpo
Num abraço apertado, caloroso.
Deliciosamente amado e carinhoso

Minha boca está seca, não é de sede.
São de beijos, sentem a falta dos lábios teus.
Teu hálito adocicado, teu aroma de chocolate.
Meu afrodisíaco meu alimento gostoso.
Quero teu amor provar, minha fome aplacar.

Volte logo meu amor, nosso quarto está vazio.
Só de sombras, tristes do meu corpo solitário.
Que vê os dias passarem, sem poder te sentir.
Lota todos os espaços, todas as frestas.
Das janelas entre abertas, nem a brisa penetra.
Em quem vai tocar, não estais mais por lá.

As mensagens que me chegam
Alenta o meu peito, aconchega o meu coração.
Mas, bastante não é, falta à emoção.
Tua voz, teus pedidos.
Teus sussurros em meus ouvidos.
Teus doces reclamos de carinho
De amor, de que nunca esqueça.
O quanto me ama.

Nada me fará te esquecer
Esse amor maduro que nos pertence
Ouve a brisa que te chega
Quanto tempo suportarei a tua ausência
Esta é a mensagem que te leva
Amo sem pensar na distância
Vivo cada minuto pensando em ti

Gerson A Almeida

Nenhum comentário:

Postar um comentário