https://www.criarbanner.com.br/criargifs/a/1f588446f6ad0cab9c1cea00b6ec179f.gif

7 de nov de 2010

Nosso quarto vazio


Nosso quarto vazio
A cama arrumada
A colcha bem esticada, sem vinco
Sem dobras...
Travesseiros fofos, bem dispostos
Abajures ainda acesos..., como candelabros
Esqueci-me de apagá-los

Por toda a noite esperei
Teu retrato na parede...
Tuas belas formas, salientes formas
Aguçam-me a imaginação
Como tua falta..., senti

Noite vazia, jogado num canto fiquei
Esperando, mas você não veio
Nem me ligou, nem recado mandou
Sempre deixo a cópia da chave
Por baixo do capacho...
Continua lá..., a te esperar

Será que agüentar, vou
Minha tamanha solidão
Meu reprimido amor
Sufoca os ouvidos, meus
Rogo pelos carinhos teus
Afague este triste coração
Quero ouvir a tua voz
Chamando-me de seu
Deitar-me novamente ao lado teu
Desfrutar do teu amor

Gerson (071110)

Nenhum comentário:

Postar um comentário