https://www.criarbanner.com.br/criargifs/a/1f588446f6ad0cab9c1cea00b6ec179f.gif

3 de set de 2010

Não esqueça de mim

Quero te falar com ternura
Minha doçura, minha jóia
Meu diamante, nosso amor
Por certo , nunca acabará
Como um simples caso,
De amante

Ele nasceu por acaso
Um olhar, uma palavra
Um aceno, uma troca consciente
De opiniões, concernentes
Sobre as coisas da paixão

Não consigo deixar de lado
Esta lembrança gostosa
Das conversas informais
Que trocamos, há tempos atrás
E que hoje, já não tenho mais

Como negar e ti dizer
Não gosto mais, sou incapaz
Ademais, sei que sentes na tua
Lembrança..., carinho
Olhe seus pergaminhos, irás
Encontrar, talvez, poemas
Feitos em horas em que pensavas
Em mim, senão..., foi minha ilusão
Por amar demais...

Peço-te, guarde de mim, boas lembranças
Continuo te adorando como antes
Diga o que quiseres..., tudo que escrevo
É a ti destinado, tentando chamar tua atenção
Compreensão te peço
Sou assim, amo demais, me entrego
Te ofereço meus abraços meus beijos
Desejo-te paz...
Não me esqueça..., jamais

Gerson (300510)

Nenhum comentário:

Postar um comentário