https://www.criarbanner.com.br/criargifs/a/1f588446f6ad0cab9c1cea00b6ec179f.gif

1 de set de 2010

Não consigo ficar longe de você..., Porque

Porque não consigo ficar longe de ti
Será alguma magia, algum sortilégio
Um mistério enorme pra mim
Tua imagem me persegue, me prende
Me deixa parado no tempo e no espaço
As horas não passam, minha razão
Se anula, minhas mãos sentem
Dificuldade até em escrever, a meu
Lápis, comandar, como me expressar

Meus versos desconexos, minhas rimas
Pra longe se foram , só tua presença
Me fará voltar a este mundo...
Retornar ao meu rumo, seguir minha
Estrada, ladeada de palmeiras
Relva baixa pelas beiras das encostas perigosas,
 Que meu caminhar por vezes
Me levou aos abismo...

O horizonte me acena, o raiar de uma esperança
Se apresenta. Teu vulto..., silhueta escura, por trás
Da luminosidade da manhã, me chama
Vem..., me ame novamente, como antes
Traga teu calor a este corpo sofredor
Cheio de razão, cheio de indecisão, querendo amar
Mais cheio de dúvidas, Nunca se entregará
Nunca deixará sua segurança, porém solitária
Nunca virá a mim, com alma libertária.

Que posso fazer, só me resta te amar
Do jeito que és, sem querer te mudar
Tens tuas razões, eu meus senões
Poderia ser diferente, porém
Tenho que aprender a esperar
Te amar em silêncio..., contigo sonhar

Gerson (220510)

Nenhum comentário:

Postar um comentário