https://www.criarbanner.com.br/criargifs/a/1f588446f6ad0cab9c1cea00b6ec179f.gif

20 de set de 2010

À luz do teu candeeiro

Chega a Primavera
Estação das flores
Dos amores que nascem
Das rosas que se abrem
Das paixões que vamos viver

Dádivas que recebemos
Envolvemos nossas almas
Brotos de um amor que nasce
Ouvir o coração da amada
Ruído calmo, mas suficiente
Atento estou quero ouvir..., te amo

Beleza e ternura
Envolveu-me por completo
Nada me fará desistir de ti
Venha e aconchegue-se...
Entre no meu corpo
Nutre tua alma da minha energia
Umedece seus lábios nos meus
Traga contigo a paixão hospedeira
Ilumina minha estrada com teu candeeiro

Gerson (200910)

Para minha amiga, escritora Débora Benvenuti
http://deborabenvenuti.loveblog.com.br

Um comentário:

  1. Um poema lindo,romântico e sensível. Você é grande,poeta! Beijo

    ResponderExcluir